A rainha Margrette II, a monarca com o reinado mais longo da Dinamarca, abdicou ao trono neste domingo. A ação ocorreu duas semanas após ela ter feito um anúncio surpresa em discurso de Ano Novo, e abriu caminho para que seu filho primogênito, Frederik, assumisse o cargo, onde compreende também a Groenlândia e as Ilhas Faroé.

Margrette reinou por 52 anos e foi a primeira monarca dinamarquesa a renunciar voluntariamente em quase 900 anos.

Ela anunciou sua abdicação devido à saúde e à importância de passar a responsabilidade para a nova geração.